8 de fevereiro de 2016

Resenha: Primeiro e Único - Emily Giffiin

Titulo: Primeiro e Único
Autora: Emily Giffin
Ano De Lançamento: 2015
Paginas: 448
Editora: Novo Conceito


Sinopse: Shea tem 33 anos e passou toda a sua vida em uma cidadezinha universitária que vive em função do futebol americano. Criada junto com sua melhor amigas, Lucy, filha do lendário treinador Clive Carr, Shea nunca teve coragem de deixar sua terra natal. Acabou cursando a universidade, onde conseguiu um emprego no departamento atlético e passa todos os dias junto do treinador e já está no mesmo cargo há mais de dez anos.

Quando finalmente abre mão da segurança e decide trilhar um caminho desconhecido, Shea descobre novas verdades sobre pessoas e fatos e essa situação a obriga a confrontar seus desejos mais profundos, seus medos e segredos.

A aclamada autora de Questões do Coração e Presentes da Vida criou uma história extraordinária sobre amor e lealdade e sobre uma heroína não convencional que luta para conciliá-los.

Romance / Drama



Resenha: Ganhei o livro em um sorteio, fiquei muito feliz, mas depois acabei vendo varias resenhas negativas e foi por isso que demorei alguns meses para ler.

Quando finalmente o peguei eu não esperava muito dele, então nem posso dizer que eu fique decepcionada quando a autora começou a enrolar e enrolar e nunca chegar a nenhum lugar. Outro motivo para eu não ter gostado muito é que eu não gosto de esportes, e de futebol americano eu não entendo nada, e teve vários diálogos sobre futebol.

Mas o motivo principal foi que o romance entre Shea e Clive pareceu muito forçado. Antes em nenhum momento ela pensou passou pela cabeça dela nenhum tipo de sentimento amoroso, parecia mais que ela o considerava com um segundo pai, mas então a esposa dele morreu e o sentimento apareceu de uma hora para outra, e ela resolve que gosta do homem que a criou como sendo praticamente a sua filha.

Eu não encontrei nenhum ponto positivo, Shea passa o livro inteiro querendo melhor, mas quando chega no fim ela não melhorou praticamente nada do que era no começo. A autora tenta quase todo o livro nos mostrar como Shea virou uma nova mulher, mas em momento algum consegui ver isso.

Não gostei da história, dei apenas uma estrela. Foi o primeiro livro que li da autora, e foi uma péssima primeira impressão, o que me deixo com um receio de ler os outros livros dela.

Quanto a capa, apesar de ter tudo a ver com a história eu a achei simples demais. Já do restante da diagramação eu gostei. As paginas são amarelas o que nos permite uma melhor leitura, e a fonte era de um tamanho agradável.




31 comentários:

  1. Não conhecia o livro é uma pena que ele não possua uma história comovente. Também não gosto de histórias em que o amor acontece do nada, prefiro os romances que ocorrem gradativamente. Acho que a presença de muitos diálogos falando de futebol americano também me irritaria um pouco. Gostei da resenha e da sinceridade dela.
    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado, eu acho que quando fazemos uma resenha não podemos mentir, e sim falar sinceramente sobre o que achamos.

      Excluir
  2. Oi Brenda, eu nunca li nada dessa escritora o livro parece ser bem emocionante já coloquei ele na minha lista de leitura e como sempre sua resenha está incrivel bjs.

    ResponderExcluir
  3. Ja li Questões do coração dessa autora e o livro realmente deixou a desejar .
    Acho que ficaria confusa nesse livro porque não entendo nada sobre futebol americano.
    A sinopse não me agradou mas amei a capa *-*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu estou em duvida se leio outro dela ou não já que esse foi uma completa decepção

      Excluir
  4. Olá eu ainda não li nada da autora, mas confesso pra você que esse livro não me desperta curiosidade, tenho visto alguns comentários sobre ele e pouquíssimos são bons. Pelo que você escreveu na resenha, até parece ser um livro interessante mas que, infelizmente, eu acho que não gostaria dele se um dia vier a ler.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu achei cansativo como a autora enrolou muito, e sinceramente não é um que eu recomendo

      Excluir
  5. Estranha essa história, não gostei. E com a sua e outras resenhas negativas, eu com certeza não leria.

    Abraços :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não é um que eu recomendo, mas voce encontrara no blog varios livros otimos, eu só acho uma pena que a minha primeira experiencia com a autora e não foi nem um pouco agradavel

      Excluir
  6. Também não gosto de livros que retratam esportes....e quando você cita "..Eu não encontrei nenhum ponto positivo.." não nos incentiva a leitura!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Falei apenas o que eu encontrei nele e não me agradou, a autora enrolou demais e falou muito sobre esportes (o que eu não gosto).

      Excluir
  7. Não conhecia o livro, talvez por ser de esportes e tal, não me chama mto a atenção...Pra quem gosta, boa leitura! Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu tambem não gosto de futebol, principalmente americano que eu não entendo nada

      Excluir
  8. Nossa, não imaginava que o livro é tão ruim assim. O romance entre eles e as conversas sobre futebol americano parecem ser realmente muito ruins.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Infelizmente a minha experiencia coma autora não foi muito boa.

      Excluir
  9. Olá, Brenda.
    Eu como já li vários livros da autora já estou acostumada a escrita dela, mas realmente esse deixou muito a desejar. Eu não acreditei em nenhum momento no amor de Shea. Leia outros livros da autora para tirar a má impressão. O noivo da minha melhor amiga é o melhor, seguido de Presentes da Vida.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É muito dificil de acreditar em um amor que surge do nada principalmente sendo que eles já se conheciam, se fosse um amor a primeira vista até dava para entender, mas esse não dá não

      Excluir
  10. A história não me animou desde que li sobe o que o livro tratava, e realmente depois dessa resenha... Mas tem outros livros da autora que são otimos. Questões do coração e O noivo da minha melhor amiga vale a pena ler.

    ResponderExcluir
  11. Eu sinceramente não gosto muito da forma que esse autora escreve. Nunca li esse livro, nem tenho vontade.

    ResponderExcluir
  12. Já li outros da autora e gosto bastante, mas esse não chamou a mais mínima atenção. Esportes? Não curto também. E fui outra que vi resenhas bem desagradáveis dele, então passei longe. Sei que iria ficar bem decepcionada se lesse :S
    Mas veja outros da autora! Ela tem livros bem legais.

    ResponderExcluir
  13. Bom, como você também li muitas resenhas negativas sobre esse livro e por esse motivo não pretendo ler ele, por ele ficar bastante em futebol americano e eu não entender nada, acredito que não ia curtir muito esse livro.

    ResponderExcluir
  14. O livro parece ser interessante e comovente mas não tenho interesse em ler, o enredo do livro não me agradou, mas pretendo ler algum livro da autora algum dia.

    ResponderExcluir
  15. Olá... Gostei muito da sua resenha, mas acho que como você, é uma história que não vai prender muito a minha atenção não... Talvez mais pra frente eu o leia!!! Beijinhos...

    ResponderExcluir
  16. Oi!
    Também vi algumas resenhas negativas sobre esse livro o que me desanimou bastante para ler e ainda mais se a autora fica enrolando em torno da historia e também acho que teria o mesmo problema por não entender nada de futebol americano !

    ResponderExcluir
  17. Eu já não gostei da sinopse, não me pareceu atrativa. Assim como você, eu não gosto de esportes e futebol americano... Nem se fala. Eu não conhecia o livro, mas essa não foi uma boa primeira impressão. Eu gosto de romances que crescem aos poucos e sei que não irei encontrar isso no livro :/

    ResponderExcluir
  18. Nossa, que experiência horrível! Esperava algum dia ler o livro, já tinha visto algumas resenhas positivas, mas né... Enfim, odeio histórias enroladas e com personagens mal construídos, vou passar longe desse livro. Abraços :)

    ResponderExcluir
  19. Li dois livros da autora. O primeiro foi meia boca, mas ela é tão famosa que me forcei a dar uma segunda chance. Não rolou pra mim. Acabei dando 3 estrelas pros livros, mas sou uma pessoa meio dada pra estrela hahahahah é bom ver q não sou a única q não rolou com a Emily, me sinto menos culpada

    ResponderExcluir
  20. Bem nunca li nenhum livro desta autora, então não sei muito o que dizer sobre suas narrativas, mas o livro (pelo menos na resenha) me deu impressão que é bem fraquinho mesmo.

    ResponderExcluir
  21. Já conhecia a autora, sei que outros livros dela foram sucesso, mas esse não senti muita firmeza, parece ser muito cansativo, acho que não vou ler.

    ResponderExcluir
  22. Sabe que mesmo com sua experiência negativa eu ainda tenho vontade de ler esse livro. Espero que eu goste mais, heheheh

    ResponderExcluir