17 de fevereiro de 2016

Resenha: Herdeiro da Escuridão

Título: Herdeiro da Escuridão
Autor: Paul Cleave
Ano de Lançamento: 2011
Páginas: 336
Editora: Fundamento

Sinopse:  Edward Hunter tem tudo o que um homem pode desejar: uma linda família, um bom emprego e um futuro promissor. Ou quase tudo: ele também é o filho de um terrível assassino em série, preso há décadas e que jamais voltará às ruas novamente. Graças ao pai, Edward perdeu a mãe, viu a irmã se tornar uma viciada e cresceu com a certeza de que era visto por todos ao seu redor como uma bomba-relógio que poderia explodir a qualquer momento. 
Hunter parece ter deixado o passado obscuro para trás - até o dia em que sua vida sofre uma mudança cruel e totalmente inesperada. Faltando poucos dias para o Natal, a mulher de Edward é morta durante um assalto à banco. A estabilidade e a paz de espírito que ele acreditava ter alcançado desaparecem e dão lugar a um vazio que se transforma em revolta, frustração e em um desejo ardente de vingança.
A demora da polícia em encontrar e prender os bandidos faz com que Edward resolva caçar sozinho os homens que mataram sua esposa. E, em pouco tempo, ele descobre que poderá ter um aliado de peso nessa busca: o próprio pai, que tem condições de lhe dar informações valiosas sobre a quadrilha de assaltantes.
Como alguém que acredita não ter mais nada a perder, Edward parece estar disposto a se tornar o segundo assassino da família Hunter. Será que ele pode evitar que a tragédia arruíne de vez a sua vida? Ou irá apenas fazer o que parece inevitável - ouvir o "monstro" que habita sua mente e se transformar em um matador?

Ficção/ Thriller/ Literatura Neozelandesa


Resenha: Quando li sobre o livro ser um thriller emocionante, com surpresas em cada página, resolvi lê-lo. Comecei a ler sem nem saber do que a história se tratava e não me arrependo.

Hunter teve uma infância conturbada e obscura, porém após encontrar a mulher de sua vida e ter uma linda filha, ele se torna um bom homem com uma vida estável.

No prólogo, Edward Hunter fala sobre o que aconteceu com sua família quando seu pai foi preso. Uma semana depois da morte de Jodie, sua esposa, ele está dirigindo seu carro e tem uma grande quantidade de sangue no banco de trás. 

Pouco antes do Natal, a mulher de Edward morre em um assalto à banco. Ele se culpa por ter tentado impedir os assaltantes de levarem uma mulher e ter atraído a atenção para sua esposa. 

Seu pai, depois de mais de 20 anos, liga pela primeira vez. Eddie vai visitá-lo na cadeia, Jack fala sobre a voz e dá o nome de um homem que está relacionado ao assalto para ele. 

Depois do assassinato, a voz, que ele chama de monstro, aumenta em sua cabeça e ele começa a ouvi-la. Essa voz tem sede de sangue e quer se vingar por Jodie.

O autor apresenta, na maioria dos capítulos, a visão de Hunter e também a do detetive de polícia Schroder, que tenta ajudar Edward.

Você se envolve emocionalmente com o protagonista, torce para que ele continue sendo uma boa pessoa e não se torne como seu pai e que, depois de tantas tragédias que aconteceram ao seu redor, tudo na sua vida dê certo.

Um thriller realmente muito bom, que cumpre o que promete. Os mistérios do livro vão se revelando cada vez mais, principalmente no final, que é bem surpreendente. Recomendo para quem gosta de livros de suspense, com bastante surpresas e reviravoltas.

A diagramação está perfeita, não lembro de ter achado erros. A maioria dos capítulos são curtos, o que torna a leitura mais agradável.

Nota: 4,5


15 comentários:

  1. Não achei muito interessante... Mas boa leitura para quem for ler.

    ResponderExcluir
  2. Parece ser um bom livro pra quem curte o gênero, mas não faz muito o meu estilo. Já tentei ler várias vezes, mas só consegui me envolver no gênero com os livros da Agatha Cristie.

    ResponderExcluir
  3. Gosto de suspenses e a premissa deste me interessou. Deve ser bem legal acompanhar esta luta interior do Edward. Gostei da resenha e da dica.
    Abraço!

    ResponderExcluir
  4. Sua resenha está muito boa, não conhecia esse livro mas lendo um pouco mais sobre a história, ele realmente parece ser um thriller muito bom, fiquei curiosa e pretendo ler.

    ResponderExcluir
  5. Amo livros de suspense e com surpresas, me interessei bastante pela sua resenha e pela premissa! Já quero ler =D Abraços, amei a resenha.

    ResponderExcluir
  6. :Gosto de suspense mas esse parace muito dark rs não é meu tipo mas a sinopse é legal!
    Parabéns pela resenha!
    Bjão *-*

    ResponderExcluir
  7. Olá.... Achei sua resenha incrível, mas esse gênero de livro não faz muito meu estilo...
    Beijos

    ResponderExcluir
  8. Como não ficar no minimo curiosa com esse livro?
    Adorei a resenha o gênero me agrada bastante, fiquei interessada em ler.

    ResponderExcluir
  9. Amei sua resenha, a sinopse do livro... o conjunto todo!
    muito perfeito esse livro.
    Sou fã de livros assim, que tem um pouco de suspense, um pouco de policial. De inicio não gostava mas depois que li Agatha Christie... Pronto! kkkk
    Achei alucinante essa historia, ela deve se distorcer de uma forma muito boa. *-*
    quero ler esse livro!!!
    *-*
    bjim

    ResponderExcluir
  10. Olá, Maisanara.
    Eu não conhecia esse livro ainda mas já me interessei. Adoro livros do gênero e esse me pareceu ser muito bom. E a capa é bem sugestiva. Já anotei aqui para ler.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
  11. Oi Maisanara, sinceramente a sinopse não me chamou a atenção não é o tipo de gênero literário que eu costumo ler bjs.

    ResponderExcluir
  12. Parece ser legal. Gosto de livros com tema assim e esse chamou atenção, não parece ser ruim e vale a pena conferir. E se promete o que cumpre ser é ainda melhor =D

    ResponderExcluir
  13. Oi!
    Ainda não conhecia esse livro, mas fiquei muito curiosa faz um tempo que não leio um thriller e esse pareceu interessante principalmente o Edward !!

    ResponderExcluir
  14. Eitaaaaa, mas que livro, hein?!!
    Bem emocionante mesmo!!
    Gostei, vou já procurar sobre ele!!
    bjss

    ResponderExcluir
  15. Achei a sinopse e a resenha bem interessantes. Confesso que pela capa não compraria, achei a capa muito pesada.

    ResponderExcluir