14 de janeiro de 2016

Resenha: A Culpa É Das Estrelas

Titulo: A Culpa É Das Estrelas
Autor: John Green
Ano de Lançamento: 2012
Paginas: 288
Editora: Intrínseca

Resumo: Hazel foi diagnosticada com câncer aos treze anos e agora, aos dezesseis, sobrevive graças a uma droga revolucionária que detém a metástase em seus pulmões. Ela sabe que sua doença é terminal e passa os dias vendo tevê e lendo Uma aflição imperial, livro cujo autor deixou muitas perguntas sem resposta. Essa era sua rotina até ela conhecer Augustus Waters, um jovem de dezessete anos que perdeu uma perna devido a um osteosarcoma, em um Grupo de Apoio a Crianças com Câncer. Como Hazel, Gus é inteligente, tem senso de humor e gosta de ironizar os clichês do mundo do câncer - a principal arma dos dois para enfrentar a doença que lentamente drena a vida das pessoas. Com a ajuda de uma instituição que se dedica a realizar o último desejo de crianças doentes, eles embarcam para Amsterdã para procurar Peter Van Houten, o autor de Uma aflição imperial, em busca das respostas que desejam. 
Inspirador, corajoso, irreverente e brutal, A culpa é das estrelas é a obra mais ambiciosa e emocionante de John Green, sobre a alegria e a tragédia que é viver e amar. 



Resenha: A culpa das estrelas é um livro incrível, ganhei ele a mais de um ano e o mantive na minha estante pois realmente não esta a fim, mas confesso desde já que me arrependi de ter esperado tanto tempo, e ele teria continuado esperando mais na minha estante se eu não estivesse participando do Desafio I Dare You e que nesse mês eu tivesse que escolher um livro que ganhei de uma amiga.

A história gira em torno de Hazel, que é uma personagem inteligente e divertida. O primeiro capitulo já começa incrível, de uma forma bem-humorada, apresentando a personagem e a vida dela

Logo depois conhecemos Augustus, um garoto sobrevivente de câncer, ele é uma daqueles personagens que é impossível não gostar.


"As vezes sonho que estou escrevendo minha autobiografia. Um livro como esse seria a melhor forma de me perpetuar no coração e na memória do publico que me idolatra.
- Por que você precisa desse público quando tem a mim? -perguntei
- Hazel Grace, quando se é charmoso e fisicamente atraente como eu, é fácil demais seduzir quem você conhece. Mas fazer com que completos desconhecido o amem... isso sim é um desafio".

E Augustus conseguiu fazer com que milhares de leitores se apaixonassem por ele. O livro também nos faz pensar muito, nos faz rir, chorar e nos emocionar.

Muitos já devem ter lido, e para quem ainda não leio, deixo uma dica, quando fora ler deixem lenços por perto, pois será muito difícil deixar de chorar.


Desafio 2016 I Dare You, desafio de janeiro escolhi um livro que ganhei de uma amiga



15 comentários:

  1. Já li o livro e gostei bastante, mas acho que quase todos os livros desse gênero são meio que iguais. É muito emocionante mesmo, chorei muito kkkkk Já li Cidades de Papel do mesmo autor, mas prefiro A Culpa é das Estrelas :p Adoro suas resenhas. Abraços
    bookdan.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Li A Culpa é das Estrelas acho que no fim de 2014 e simplesmente amei o livro, de forma que eu não esperava. Ambos os personagens principais são incrivelmente cativantes a sua maneira, me fizeram sorrir e rir muito em certas cenas, não cheguei a cair em lágrimas, mas isso não diminui a qualidade do livro.
    Infelizmente, até agora nenhum outro livro que li do autor conseguiu me conquistar por completo, mas ainda me restam algumas tentativas.
    Abraços

    ResponderExcluir
  3. Brenda, li A Culpa é das Estrelas depois do lançamento do filme, o que foi um tremendo erro, pois quando o li não senti todas as emoções que ansiava em ter, talvez por ter sentindo tudo durante o filme e por saber o destino de cada personagem.
    A estória é linda, isso não tem como discordar. Os personagens são únicos e marcantes, com suas vidas envolvidas de momentos inesquecíveis que jamais esqueceremos.
    Bjs!

    ResponderExcluir
  4. Oi, Brenda. Bom, vou passar minhas impressões, pois a história todos conhecem. Minha primeira leitura foi O Cortiço, em 2013, e por isso fui em busca de mais livros para aumentar o meu gosto e hábito literário e então encontrei A Culpa é das Estrelas, lido em Outubro de 2013. Foi aí mesmo que a explosão de sentimentos sobre um livro surgiu mesmo e virei um assíduo no assunto. É um livro emocionante e mágico. Adorei!

    ResponderExcluir
  5. Oi Brenda que resenha incrível amei amei, mas eu não tenho vontade de ler esse livro eu vi o filme e chorei muito por isso nem tenho ideia de ler o livro bjs.

    ResponderExcluir
  6. Preciso desse livro tipo agora.
    Deve ser maravilhoso e tenho certeza de que vou me emocionar, assim como também acho que, mesmo tendo isso em mente, ainda assim vou me surpreender.
    É tão engraçado ver como algumas pessoas não conseguem se envolver com alguns livros, né? Eu vejo por mim e muitos dos sobrenaturais de sucesso... O mundo fala que é incrível e eu fico tipo "Oi?".
    Enfim, achei sua resenha linda e digna de deixar qualquer um maluco por essa leitura!

    Beijão!

    ResponderExcluir
  7. Oi,falem mal ou falem bem,sou apaixonada por A Culpa É Das Estrelas.Foi o livro que me fez começar a ler cada vez mais.Com o tempo expandi meus horizontes literários,mas sempre lembro de ACÉDE com muito carinho.Amei sua resenha!

    ResponderExcluir
  8. Vou ser sincera, não gostei muito quando eu li. Amei o filme, mas não gostei muito do livro :/

    ResponderExcluir
  9. O filme me fez chorar e esse livro não. Achei a trama viciante e inteligente, muito gostosa de ler e emocionante. Só não cheguei a chorar e olha que quando saiu esse livro vi tantas resenhas de gente falando isso, que chorou e tal. Mas é um livro lindo né? Vale a pena.

    ResponderExcluir
  10. Oi!
    Faz um tempo que li A Culpa É Das Estrelas e foi no começo também não estava muito animada para ler, mas quando comecei não parei mais foi uma historia que me surpreender e achei linda !!

    ResponderExcluir
  11. Ouvi vários comentários negativos de A Culpa é Das Estrelas que acabei achando clichê e não li esse livro ainda, mas pretendo ainda esse ano , já até coloquei na minha lista de 2016.

    ResponderExcluir
  12. Oii Brenda, tudo bem?

    Eu gostei muito da leitura de "A Culpa é das Estrelas", li logo quando foi lançado aqui no Brasil. Confesso que não cheguei a chorar, mas achei a história muito bem estruturada e os personagens são ótimos. Também gostei bastante do filme. Recomendo "A Estrela Que Nunca Vai Se Apagar" que é a biografia da menina que inspirou o John Green e a criar a Hazel.

    Beijinhos,

    Rafaella Lima || Vamos Falar de Livros?

    ResponderExcluir
  13. Primeira vez que li o livro A Culpa é das Estrelas foi em 2013 desde então já li mais duas vezes, na época eu estava começando a ler livros maiores e o livro foi uma grande surpresa para mim.

    ResponderExcluir
  14. Lagrimas, somente isso define ao terminar de ler o livro. Green, teve um toque lindo ao escrever esse livro ♥

    ResponderExcluir
  15. Esse livro marcou minha entrada no mundo da leitura. Tenho um carinho especial por ele. Não é um dos meus preferidos, pois agora eu acho que é mais do mesmo, mas sinto que ele me mudou de alguma forma. Amei a construção dos personagens, mas fiquei incomodada com alguns fatos que aconteceram rápidos demais e outros que se concretizaram, mas não teve tanta importância quanto devia no livro.

    ResponderExcluir