31 de agosto de 2015

Resenha: Desejo

Titulo: Desejo
Autora: Nicole Jordan
Paginas: 368
Editora: Essência

Resumo: Lucian, mais conhecido como o sensual conde de Wycliff, é do tipo que sempre escapa dos votos de matrimônio. Quando acaba encarando a morte de perto, mas sobrevive, ele passa a desejar um herdeiro que possa carregar o seu nome. É então que se depara com a sedutora Brynn Caldwell, de cabelos da cor do fogo e olhos de esmeralda, e tem certeza que encontrou a mulher ideal para ser sua esposa. Brynn acredita que o fascínio do libertino por ela é impulsionado por uma maldição que há séculos condena as mulheres de sua família. Sua beleza enlouquece qualquer pretendente, e o homem que por ela se apaixonar, e for retribuído, estará condenado à morte. Brynn se vê obrigada a aceitar a proposta de casamento de Lucian. Ela se renderá às suas carícias, mas não se atreverá a lhe dar o coração. Presos em uma batalha de desejo e sedução, Lucian começa a suspeitar que Brynn é uma traidora e está envolvida com contrabandistas. Pouco a pouco ele se verá em uma teia de perigo onde o preço para conquistar o coração de sua noiva e descobrir a verdade pode ser a própria vida.

Resenha: Maldição, traição, amor... 

“Quando o olhar dele se dirigiu para seu peito, ela percebeu que a toalha tinha se soltado e então agarrou-a como uma selvagem e cobriu os seios indecentemente expostos (pg. 23).”

Comprei o livro com uma expectativa enorme e não achei tudo aquilo que achei que fosse. O livro é bom, mas sua história tem um pouco de misticismo, o que não me agrada em narrativas desse gênero. Mas tirando esse detalhe o livro tem uma leitura agradável.

“Apesar da maldição cigana e da tragédia em seu passado, ela não era totalmente rejeitada pelos vizinhos (pg. 38).”

Brynn é uma jovem que acredita possuir uma maldição e por isso não pensa em se casar, já que se isso acontecer, seu pretendente poderá morrer, caso ela venha amá-lo, devido a maldição. Mora em uma ilha com um irmão mais velho e um mais novo, que cuida desde que sua mãe morreu no parto, apesar de ter mais dois irmãos, os mesmo encontram-se longe.


O irmão mais velho de Brynn trabalha com contrabando e acaba se envolvendo em pirataria e crimes contra a coroa inglesa. É partir desse fato que toda a narrativa do livro de desenrola.


“Contra a sua vontade, ela sentia-se atraída por aquele homem e tinha poucas duvidas de que ele fosse cruel o suficiente para colocá-la em alguma situação incomoda caso não aceitasse o convite (pg. 48).”

Brynn acaba conhecendo Lucian Wycliff, um conde famoso por suas aventuras amorosas, mas que depois, em um incidente envolvendo traição em que encara a morte de perto, decide que precisa arrumar uma esposa e ter um herdeiro para carregar se nome. O conde de apaixona por Brynn e lhe faz uma proposta de casamento, que para a família de Brynn seria muito vantajoso, porém ela está disposta a não aceitar, pois teme a maldição que a persegue.


“Ela não queria aceitar a proposta de casamento, mas será que realmente tinha escolha? Se aceitasse casar com Wycliff , poderia liberar Grayson da ameaça de prisão pelas dividas. Além disso, Theo teria a educação que sempre quis, o futuro que ela sempre desejou para ele (pg. 77).”
 

O livro tem romance, aventura, sensualidade e erotismo. Possui uma leitura agradável e a historia é envolvente apesar, como já mencionei, o fato de envolver um pouco de misticismo. Esse foi o primeiro livro da Nicole Jordan que li, ainda não conheço os outros títulos dela, mas sei que as histórias se cruzam.


Para quem gosta de romance de época sensual e erótico, vai apreciar a literatura de Nicole Jordan. Ela escreve bem e consegue envolver o leitor na sua história. Descreve com maestria os personagens, regiões e situações.

“Ele a levantou com urgência. Os lábios dele encontraram os dela com um úmido calor, a boca febrilmente capturando a dela à medida que ela envolvia seu quadril com as pernas (pg.314).”

 
 

12 comentários:

  1. Confesso que romance com um lado hot não me chama muito a atenção. Então, apesar da sua ótima resenha, não consegui ficar interessado pelo livro.
    Concordo com você: misticismo com romance hot parece uma combinação estranha.

    Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista de agosto. Serão dois vencedores.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá desbravadores! Gosto muito desse gênero, mas algumas autoras exploram muito o lado erótico do livro e se esquecem do enredo! Como leio muitos livros desse gênero, já sei quais autoras são boas e aquelas que não vale a pena perder tempo. Nicole Jordan escreve muito bem, mas esse livro em particular realmente não me conquistou! Bjo e obrigada!

      Excluir
  2. Oi, Sophia. Poderia me esclarecer uma dúvida? O livro se trata do gênero romance histórico ou erótico, ou ambos? Bom, caso seja algum dos gêneros, não me dou muito bem com eles. Ótima resenha, mas não me interessei.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Ycaro! Na verdade se trata dos dois, romance histórico e erótico!

      Excluir
  3. Oi Sophia!!
    Eu não estou gostando muito mais de livros de erotismo, acho que já foi o meu gênero, só que agora não é mais. É realmente uma pena quando compramos um livro com expetativas e ele acaba se revelando que não é tudo isto que esperávamos.
    Beijos!!
    umlugarparaleresonhar.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Becca! Gosto muito de livros sensuais e eróticos e essa autora escreve bem, mas esse livro não me atraiu tanto. Patricia Cabot por exemplo, tem livros que são lindíssimos, super sensuais e com muito humor! Também tem outras autoras maravilhosas que poderia ficar citando sem parar! Mas Sylvia Day por exemplo, acho os livros dela pobre em enredo, ela explora muito o erotismo, mas peca no desenvolvimento do livro e dos personagens!

      Excluir
  4. Oi, Sophia! Por não curtir romances eróticos, o livro acabou não me atraindo. Eu até gosto desse lado místico e tal, a história também parece ser interessante, mas acho que não daria uma chance ao livro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Larissa! Se vc não curte romances eróticos, então poucas resenhas minhas vão te incitar a ler o livro (rsrsrsrs). Eu gosto, mas também gosto quando tem sensualidade e não apenas só o erotismo!

      Excluir
  5. não sou muito de ler livros hot mas esse eu achei super interessante, gostei da resenha e já to curiosa pra ler esse romance.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Emanoelle! Se vc ler o livro, gostaria muito de saber sua opinião! Obrigada!

      Excluir
  6. Oi,
    Só pelo título do livro já vi que não vou me interessar.
    A sinopse me surpreendeu, pois o livro tem uma premissa muito boa.
    A resenha já confirmou minha impressão inicial. Não me interessei.E depois de ler que suas expectativas não foram atendidas, ai que não leria mesmo. A resenha ficou boa, gosto de romance de épocas, mas livros com erotismo, sensualidade não me agradam.
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Leticia! Pena que vc não goste muito de romances hots, pq a maioria dos livros de época de autoras contemporâneas são eróticos, poucos não exploram esse lado! Gosto muito desse gênero, amo na verdade! Bjo e obrigada!

      Excluir